Tel: +55(24) 2271-1124  |  Email: folha@folhapopular.net.br




Parceiros



Petrópolis aumenta investimentos em educação integral

Autoria: Redação  |  Fotos: Divulgação



Com mais de 2 mil alunos matriculados em 24 escolas, a educação em tempo integral já é referência no ensino de qualidade na rede municipal de Educação. Em 2016 apenas quatro escolas ofereciam esse tipo de atendimento. O prefeito visitou nessa segunda-feira (10) três escolas que oferecem o integral: Soroptimista, Municipalizada Sebastião Lacerda e São João Batista.

O integral chegou na E.M Soroptimista, no Pedras Brancas, em 2018 e já atende 90 alunos da educação infantil até o 5º ano do ensino fundamental. Na escola as atividades funcionam de forma integrada, o que encanta as crianças. “Os alunos estão integrados com a proposta. Valores foram pensados para envolver toda a comunidade escolar nessa realidade tão rica que é o integral. A integralidade é trabalhada de todas as formas. Amor, respeito, honestidade, companheirismo, amizade e tolerância são os valores que incentivam o nosso trabalho”, contou a diretora da escola, Cristiana Alves.

Durante a visita na escola, o prefeito conversou com funcionários e visitou as salas temáticas especialmente preparadas para atendimento do integral. 

“Gosto muito da escola e principalmente das atividades com a leitura”, disse o estudante Mauro de Lima, de 9 anos, aluno do 4º ano do ensino fundamental. O integral também conquistou Ana Lívia Barbosa, de 7 anos, aluna do 2º ano do ensino fundamental. “É mais divertido ficar o dia inteiro na escola. A gente brinca e aprende muitas coisas bacanas também”.

Na Escola Municipalizada Sebastião Lacerda, no Rocio, o integral chegou nesse ano: são 43 alunos matriculados do 3º período da educação infantil até o 5º ano do ensino fundamental e foi uma conquista há muito tempo esperada pela comunidade. “Eles queriam o integral e isso mudou a nossa realidade. É muito importante para as crianças e estamos realmente muito felizes. Agradeço ao prefeito pela visita e por ter tornado nosso sonho realidade”, contou a diretora da escola, Deise Mota de Oliveira.

A Escola São João Batista funciona como integral desde 2018 e atende atualmente 97 alunos do 4º período da educação infantil até o 5º ano do ensino fundamental. Além de Português e Matemática, corpo e movimento, saber saúde e inglês são eixos trabalhados no integral na escola.

Vale salientar que as estratégias do município para incentivar a educação integral superaram as expectativas: até 2025 o governo federal, segundo o Plano Nacional de Educação, estipula que 50% dos alunos da rede precisam estar em escolas de tempo integral. A meta 6 do PNE também prevê que o município tem que aumentar gradativamente, a cada ano, até 20% das escolas que trabalham anos iniciais do ensino fundamental com educação integral e o município já superou a meta: com 22% de unidades atendendo em tempo integral.

galeria de imagens desta notícia

deixe seu comentário



 



comentários

Os comentários não expressam a opinião da Folha Popular ou de seus representantes e colaboradores e são de inteira responsabilidade das pessoas que os escreveram.

Nenhum comentário



outras notícias



A Folha

Capa
Expediente
Contato

Redes Sociais

Facebook
Twitter
Youtube

Segurança

Acesso Restrito
Webmail

Assine nossa NewsLetter !

Por favor, digite seu Nome e Email

Digital Newsletter

Para cancelar inscrição, por favor clique aqui» .

Voltar ao topo